Logo Gesp Mensagem agenda cristã cap 18
Barra superior esquerda Barra superior direita
Regimento interno
Regimento interno

GRUPO ESPÍRITA DE PETROLINA - GESP

REGIMENTO INTERNO

DA FINALIDADE

Art. 1º - Este Regimento Interno tem por finalidade criar uma estrutura organizacional e regulamentar as atividades do GESP, a fim de que haja uma participação de todos, consolidando o princípio do trabalho de equipe e o fortalecimento dos laços de união e fraternidade entre seus colaboradores.

DA CONSTITUIÇÃO E DENOMINAÇÃO DOS DEPARTAMENTOS

Art. 2º - Doravante o GESP será constituído de quatro (4) departamentos, que terão as seguintes denominações:

  1. Deptº de Estudo e Divulgação da Doutrina Espírita (D.E.D.D.E.);
  2. Deptº de Assistência Espiritual (D.A.E.);
  3. Deptº de Assistência e Promoção Social (D.A .P.S.);
  4. Deptº da Infância e da Juventude (D.I.J.).

Parágrafo Único - Cada Departamento poderá ser constituído de setores conforme a necessidade para melhor desenvolvimento das atividades.

DA COMPETÊNCIA DOS DEPARTAMENTOS

Art. 3º - Compete ao Deptº de Estudo e Divulgação da Doutrina Espírita (D.E.D.D.E.) promover:

  1. Estudo da Doutrina Espírita em toda a sua abrangência e sob todos os aspectos, para pessoas de todas as idades, para pessoas de todos os níveis culturais e sociais, por todas as formas e meios adequados, principalmente de forma programada, metódica e sistematizada.
  2. Divulgação da Doutrina Espírita por todas as formas e meios compatíveis com os princípios doutrinários (livros, periódicos, programas de rádio e TV, palestras, etc...).

Art. 4º - Compete ao Deptº de Assistência Espiritual (D.A.E.) promover:

  1. Orientação e ajuda às pessoas com necessidades espirituais;
  2. Atendimento fraterno, explanação e estudo do Evangelho à luz da doutrina Espírita, passes e atividades mediúnicas (reuniões privativa de educação mediúnica e de desobsessão);
  3. Incentivo e orientação à prática do culto do Evangelho no Lar.

Art. 5º- Compete ao Departamento de Assistência e Promoção Social (D.A.P.S.) promover:

  1. Serviço de Assistência Social Espírita, orientação e ajuda às pessoas com necessidades materiais;
  2. Assistência através da distribuição de alimentos, roupas e remédios, orientação e ensino, fazendo com que este serviço se desenvolva conjuntamente com o atendimento às necessidades de evangelização.

Art. 6º - Compete ao Departamento da Infância e da Juventude (D.I.J.) promover:

  1. Evangelização da criança através do estudo do Evangelho de Jesus, à luz da Doutrina Espírita;
  2. Incentivo e orientação ao jovem para o estudo e a prática da Doutrina Espírita, favorecendo-lhe a integração nas tarefas do GESP.

DA COMPOSIÇÃO DOS DEPARTAMENTOS

Art. 7º - Cada Departamento será composto de:

  1. Um Diretor;
  2. Um Secretário;
  3. Um Supervisor de Setor (ou mais, de acordo com o n.º de programas dentro das atividades do Departamento;
  4. Colaboradores.

DA COMPETÊNCIA DOS COMPONENTES DE DEPARTAMENTO

Art.8º - Compete ao Diretor:

  1. Subdividir o Departamento em setores, escolher as pessoas para os cargos de secretário e supervisor;
  2. Convidar e incentivar pessoas a fazerem parte da equipe de colaboradores do GESP;
  3. Elaborar em conjunto com os componentes do Departamento o plano de atividades (semestral e anual);
  4. Apresentar tais planejamentos para conhecimento e aprovação da Diretoria do GESP;
  5. Freqüentar reuniões doutrinárias, cursos e treinamentos promovidos pelo GESP ou pela Federativa Estadual;
  6. Promover reuniões de avaliação de atividades com seus colaboradores, apresentando relatório à diretoria do GESP;
  7. Manter contato com o departamento correlato da Federativa Estadual.

Art. 9º - Compete ao Secretário:

  1. Redigir atas, cuidar das correspondências e arquivo, expedir correspondência convocatória para as reuniões do departamento;
  2. Auxiliar o diretor, executando as tarefas que lhe forem atribuídas;
  3. Participar das reuniões doutrinárias, cursos e treinamentos.

Art. 10º - Compete aos Supervisores:

  1. Auxiliar o diretor na elaboração do plano de atividades, participar ativamente nas atividades do departamento;
  2. Manter atualizado o controle de freqüência e atividades do programa sob sua responsabilidade;
  3. Estimular e apoiar os colaboradores à participarem das programações doutrinárias de estudo e assistenciais da instituição;
  4. Participar de cursos e treinamentos;
  5. Comparecer às reuniões do departamento.

Art. 11º - Compete aos Colaboradores:

  1. Participar ativamente das reuniões do departamento a que está vinculado ou quaisquer outras a que seja convocado;
  2. Obedecer as normas, diretrizes e programas estabelecidos;
  3. Participar de cursos e treinamentos;
  4. Assistir às reuniões doutrinárias.

DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

Art. 12º - Todos os Colaboradores poderão convidar pessoas para serem sócios-contribuintes da Instituição, ajudando dessa forma, à Diretoria a honrar os compromissos de manutenção da casa (aluguel, água, energia, material de limpeza, etc...)

Art. 13º - Este Regimento Interno entrará em vigor na data da sua aprovação.

Petrolina, 16 de agosto de 1997.

Barra inferior